Arquivos da categoria: bordados com miçangas

mi-C3-A7angas

Confira tudo o que você precisa saber para bordar com miçangas

Estava sentindo saudades das nossas dicas sobre bordados com miçangas? Estamos com uma super matéria, retirada do blog eHowBrasil, para te ajudar. Tudo o que você precisa saber para bordar com qualidade está logo abaixo, confira. 
Primeiro
Reúna o seu material e separe as linhas por cores. Compre as miçangas de modo que se combinem com as cores das linhas o máximo possível — as miçangas redondas (tamanho 11/0) são melhores, pois existem em diversas opções. Verifique se sua agulha de bordado passa tranquilamente pela miçanga, pois tanto a de bordado como a de miçangas vêm em diversos tamanhos — escolha um modelo que passe facilmente pelo meio da miçanga. As miçangas variam de tamanho e uniformidade e, então, ajustes serão necessários durante a execução do bordado.
Segundo
Coloque o seu tecido ou tela no bastidor e estique bem o material, mas não a ponto de esgarçar o tecido. Separe de duas a três fios da linha de bordado e passe-as pela agulha, em seguida dando um nó e amarrando juntas suas pontas.

Terceiro

Encontre o centro do desenho e do tecido, colocando a agulha com linha na parte de trás e empurrando através dele até a frente. Faça uma fileira na horizontal por vez para permitir ajustes aos tamanhos das miçangas, e faça os pontos de acordo com o desenho, adicionando as miçangas ao longo do trabalho. Por exemplo, se estiver fazendo um desenho com ponto-cruz, eleve a agulha com linha pelo canto inferior direito do quadrado, coloque de cinco a seis miçangas na linha e passe a agulha pelo canto superior esquerdo. Puxe a linha bem esticada e passe a agulha pelo canto superior direito do quadrado; passe de cinco a seis miçangas pela linha e passe para o avesso pelo canto inferior esquerdo do quadrado. Esse é o padrão de ponto-cruz.
Quarto
Continue bordando o desenho, adicionando miçangas aos pontos conforme prossegue, e use pontos tradicionais, e adicione as miçangas ao longo do trabalho. Por exemplo, use um ponto pelo avesso em curvas para sair pelo lado certo do tecido com o ponto, passando uma miçanga pela linha e pelo tecido nas costas da miçanga. Troque as cores e pontos de acordo com o desenho e as instruções e, quando atingir o fim da linha, vire o projeto ao contrário e amarre as pontas da linha passando-a pelo avesso do pontos já feitos diversas vezes para formar um nó.
Gostou da nossa dica de bordado com miçanga? Então não se esqueça de participar! Faça seu comentário e compartilhe os nossos posts nas redes sociais.